Uncategorized

Justificativas, comemorações e retorno…

Oi pessoal! Será que ainda tem alguém aqui? Depois de exatos 20 dias sem postar, cá estou eu novamente, pra dar algumas explicações e comemorar com vocês alguns acontecimentos. Quem me segue no twitter (@tamy_b, segue lá) deve ter visto alguns de meus posts desesperados sobre costuras e surpresas, e correrias de ensaios no CTG. Eu faço parte do grupo de danças adulto do meu CTG, o CCN Sentinela do Rio Grande, e nesse domingo fomos até Santa Vitória do Palmar representar nossa cidade na fase Interregional do ENART. Por esse motivo minha vida tem virado um loucura, com ensaios madrugada a dentro, fins de semana inteiros dentro do CTG e coisas que quem dança sabe muito bem do que eu estou falando.
  1. Tamyzita e seu peão bailando a dança do balaio
  2. Prendas representando as mulheres chegando ao estado do RS
  3. Coreografia de entrada  – mozuelas e soldados
  4. Maninha Lyka e outros dançarinos do grupo na coreografia de retirada
 Enfim, o outro motivo que me afastou do blog, é que eu fiquei encarregada de fazer a indumentária de todas as prendas da invernada. Sim, você leu certinho, eu realmente fiz todas as pilchas das meninas, saia, blusa e espartilho para 10 das 12 meninas do grupo, e algumas fiz até as roupas de baixo. Sim, nós prendas usamos roupas de baixo específicas, de acordo com o regulamento do Movimento Tradicionalista Gaúcho. Resumo da ópera: Quando não estava no CTG ensaiando, estava sentada frente à maquina de costura, trabalhando. Foi muita loucura e correria, mas no final tudo deu certo, e a apresentação foi um sucesso.
  1. Tamyzita de pilcha nova! Mozuela do Rio Grande
  2. Minha sala de jantar em estado de lástima com as costuras
  3. Espartilho sendo costurado
  4. Prendas da Invernada Adulta com a indumentária feita por mim <3 span="span">
Ainda que não tenhamos conseguido a tão desejada classificação para a fase final do ENART, pudemos mostrar a uma boa parcela de pessoas e de dançarinos de todo o estado a consolidação do nosso trabalho, o nosso crescimento enquanto grupo iniciante, e de uma região bastante fraca em termos de tradicionalismo e acima de tudo, testar nosso potencial junto a grandes grupos, alguns considerados entre os 20 melhores do estado. Com isso, espero que vocês leitores queridos me desculpem e saibam que eu nunca vou deixar o blog se não for por um motivo realmente grande e forte, e saibam que logo já trago grandes novidades por aqui. Beijocas doces!

You Might Also Like

1 Comment

  • Reply
    Bruna Heller
    4 de setembro de 2012 at 11:41 pm

    Mas que gaudéria, tche! Isso aí! hehehe
    Te perdoamos pelo sumiço, mas não some mais…

    Espero que tenha sido tão bonito qto parece nas fotos!

    Beijos, amada!

    Reply

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.